Viagens

Ouro Preto: o berço histórico da humanidade !

Ouro Preto, o berço histórico da humanidade by Juliana Veiga

Ainda na rota dos melhores carnavais de rua do país, chegamos a Ouro Preto. A Cidade não recebeu o título de Patrimônio Histórico da Humanidade à toa. É lá que encontramos o maior conjunto arquitetônico barroco do Brasil, onde tesouros como as igrejas de São Francisco de Assis, obra-prima de Aleijadinho e, de Nossa Senhora do Pilar, ornamentada com mais de 400 quilos de ouro, são preservados.

ns rosario dos brancos , juh veiga  jornalista, lemondelittah,panomara

Em meio às ladeiras de paralelepípedo, cheias de história, que recortam a velha e notória Vila Rica, estão chafarizes, capelas, museus e o Museu da Inconfidência, um belo casario colonial que guardam e contam histórias dos séculos 17 e 18, ápice da mineração colonial.

Os dias em Ouro Preto são regados a programas arqueológicos, dignos de Indiana Jones. Desvendar altares e imagens, garimpar peças nos antiquários e feiras de artesanato em pedra-sabão, se aventurar pelas lojas e cafeterias da Rua Direita! Sempre com sapatos confortáveis, bem vindos, também, para curtir a noite nos bares ou nas festas que agitam as muitas repúblicas de estudantes da Cidade.

ns do carmo , lemondelittah, talita alves, blogger, juh veiga

Mais de 200 moradias abrigam os cerca de cinco mil alunos da Universidade Federal de Ouro Preto. Eles são os responsáveis pela alegria que toma conta das ladeiras e praças no Carnaval, onde as repúblicas saem em blocos e, durante a Festa do Doze, em outubro, aniversário da Universidade que reúne ex-alunos e atuais estudantes e já faz parte do calendário de Ouro Preto.

ns rosario dos brancos , juh veiga  jornalista, lemondelittah, rio, 02

A Vila Rica também fica movimentada na Semana Santa. As pessoas vêm de longe para assistir as procissões e conferir as verdadeiras obras de arte que são os tapetes de flores e serragens, que colorem o cenário. Quem quer um programa mais calmo, fugindo do agito da cidade histórica, as opções são embarcar numa viagem no tempo, a bordo da maria-fumaça que leva à vizinha Mariana ou seguir para o Parque Estadual do Itacolomi, 75 quilômetros quadrados repletos de mirantes naturais.

Ouro Preto está há 107kms de Belo Horizonte, a capital mineira. O acesso é feito pelas rodovias BR-040 (quem vem de Belo Horizonte deve seguir em direção ao Rio de Janeiro) e BR-356 (Rodovia dos Inconfidentes).

passeio trem , ouro preto, lemondelittah

Para informações turísticas, os telefones são (31) 3559-3269 e (31) 3551-2655 ou pelo site http://www.ouropreto.org.br

Gostaram??

Fique por aqui, e viagem com a gente!

OBS: Se vocês tiverem interesse em algum destino especifico pelo Brasil, encaminhem suas sugestões por aqui ou por e-mail ok? Aguardo

Super beijo Juh Veiga!

Fotos: Internet e Juliana

One Comment

  1. Oi Juuuuu ,adoro viajar e saber sobre as cidades e tudo que elas tem p nos oferecer é melhor ainda,ainda mais Ouro Preto,a mineirinha agradece rsrsr
    bjossss u.u

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

dezesseis − quinze =